ArtigosArtigos ExternosThe Sims

A Importância do The Sims Durante a Pandemia do Coronavírus

Por que jogos como The Sims são tão reconfortantes neste período de pandemia global.

O site americano CNBC Make It compartilhou um breve artigo bastante interessante falando sobre a importância de jogos como o The Sims em uma época onde as pessoas estão passando muito tempo dentro de casa devido à pandemia do Coronavírus.

Por Que Jogar The Sims Durante a Pandemia do Coronavírus é tão Reconfortante

Enquanto pessoas em todo o mundo ficam em casa para impedir a propagação do COVID-19 (popularmente conhecido como Coronavírus), os jogadores estão se voltando para os videogames de “simulação da vida” de modo a matar o tempo e escapar do caos do mundo real.

Com isso, muitos jogadores estão re-descobrindo o The Sims, um jogo de computador que permite criar um mundo fictício e determinar o destino de diferentes personagens que são chamados de “Sims”.

Acontece que existem razões psicológicas pelas quais as pessoas são atraídas por videogames no momento, além do fator entretenimento, disse Chris Ferguson, professor de psicologia da Universidade Stetson, que pesquisa o impacto dos videogames no bem-estar das pessoas, disse à CNBC Make It.

“Temos dificuldade em atender [certas] necessidades da vida real”, então nos voltamos para o mundos virtuais, diz ele.

E jogos de “construção de mundos” ou “simuladores de vida” podem ser especialmente úteis durante a pandemia do COVID-19. Aqui está o porquê:

Eles nos Ajudam a Nos Sentir em Controle

Construir uma casa dos sonhos e criar personagens no The Sims “dá a sensação de que você pode criar um mundo e ter controle sobre as decisões que são tomadas para esse mundo”, diz Ferguson. “Você pode sentir que esse mundo faz sentido e, pelo menos, tem regras que você pode entender …”

Além disso, agora na vida real, “a percepção que temos as coisas ordenadas e fazendo sentido foi interrompida”, diz Ferguson. Muitas pessoas estão trabalhando em casa, não vêem seus amigos ou entes queridos há semanas e estão lutando para entender as notícias.

Enquanto o The Sims se passa no mundo virtual, os jogadores ainda precisam tomar decisões e cumprir metas, disse Thaddeus Griebel à CNBC Make It, que estudou os efeitos positivos de jogar The Sims. “Isso ajuda a gerar uma sensação de continuidade: mesmo que nossa rotina diária seja interrompida agora, pelo menos eu posso continuar minha vida neste jogo”, diz ele.

Eles Mantêm Você Social

Os jogadores de The Sims podem compartilhar suas criações na galeria do The Sims 4, um recurso o qual permite que os jogadores compartilhem suas casas e Sims com outros usuários.

Não se surpreenda se mais videogames que tenham um elemento social, como World of Warcraft e Dungeons and Dragons, também retornarem durante esse período, diz Ferguson.

Eles são como uma Fuga

Os “problemas” que os personagens de seus Sims enfrentam são provavelmente menos estressantes do que os que acontecem na sua vida real, e isso é uma coisa boa.

“A ideia é que você saiba que tem uma espécie de versão fantasiosa da vida e do mundo”, diz Ferguson.

Para algumas pessoas, o The Sims pode parecer um pouco chato, porque tudo o que você faz é trabalhar em casa e ganhar dinheiro com um emprego, diz Griebel. Mas também nos dá algo pelo que esperar.

“Jogos como The Sims ajudam a lembrar que recuperaremos as coisas e voltaremos à vida normal”, diz ele. “Em vez de, você sabe, se preocupar demais com o quão ruim as coisas vão ficar.”

Por outro lado, jogos como Call of Duty podem ser um pouco relaxantes, mas também podem ser frustrantes ou excessivamente complexos – especialmente se você perder uma missão.

Jogos como The Sims são relativamente fáceis, você pode dominá-los em um curto espaço de tempo, sem muita experiência em videogame, diz Ferguson.

″É muito fácil se tornar definitivamente competente sem ser avassalador”, diz ele.

Fonte
CNBC Make It

SimsTime

Como editor do SimsTime, o meu trabalho por aqui é trazer diariamente notícias, novidades e informações relacionadas ao mundo Simmer, mantendo todos sempre bem informados!

Um Comentário

  1. Gostei muito do artigo. Acho que esse sentimento de alívio que o The Sims trás se aplica a outras situações. Pra mim por exemplo, o jogo se tornou um módulo de escape e conforto para a minha depressão e minha ansiedade.

    Amo suas matérias <3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo