ArtigosArtigos ExternosThe Sims 2

15 Anos Depois, The Sims 2 Ainda é Considerado o Melhor Jogo da Franquia

Lançado em setembro de 2004, The Sims 2 ainda é considerado como o melhor e mais detalhado The Sims.

Já se passaram 15 anos desde que o The Sims 2 foi lançado, e ainda nos dias de hoje, uma legião enorme de fãs ainda o consideram como o melhor e mais detalhado jogo de toda a franquia.

O Kotaku fez um artigo há um tempo atrás falando um pouco sobre o assunto e os motivos pelos quais os jogadores ainda tanto amam esse jogo. Confira!

15 Anos Depois, The Sims 2 Ainda é Considerado o Melhor Jogo da Franquia

Embora o The Sims 2 tenha sido lançado há quase 15 anos atrás, ele ainda tem uma base de fãs dedicada que insistem em afirmar que ele é o melhor jogo da série. Eles dizem que o The Sims 2 está mais vivo que seus sucessores e que, enquanto continuar funcionando em seus computadores, eles continuarão jogando.

Quando a maioria dos adultos pensa no primeiro jogo de The Sims que jogou, provavelmente está pensando no The Sims 2. O The Sims 2 foi lançado em setembro de 2004, depois de quatro anos após o lançamento do The Sims 1, e foi um sucesso absoluto. Embora não tenha havido muitas mudanças de jogabilidade desde em comparação ao primeiro jogo, o The Sims 2 foi mais ambicioso e também mais polido, refinando a socialização e as vizinhanças do original. Enquanto no The Sims 1 seus filhos nunca crescem, no The Sims 2 você pode fazer parte de uma família por várias gerações. Esse tipo de simulação de vida era totalmente intoxicante para mim quando criança, assim como para meu irmão mais velho, que olhava por cima do meu ombro enquanto eu brincava com as suas defesas.

Guzmán Espejo, um espanhol de 27 anos de Málaga, começou a jogar o primeiro The Sims em 2003. Seu primo havia comprado a versão pirata, e a família de Espejo passou algum tempo com aquele primo que passava férias por ali. Espejo e seu primo recriaram sua própria família juntos e, na década seguinte, ele e seu primo passaram as férias jogando The Sims 1 e, mais tarde, The Sims 2.

Quando o primo de Espejo atualizou para o The Sims 3 , ambos cresceram o suficiente para que sua tradição de jogar The Sims juntos acabasse. Pouco tempo depois, em 2014, a Electronic Arts distribuiu cópias gratuitas do The Sims 2 Ultimate, uma coleção que incluía todos os pacotes de expansão do jogo, e Guzmán pegou uma.

O Legado The Sims 2 Como Jogo Ajudou Criar Contadores de Histórias

“Desde então, estou viciado e, a cada cinco ou seis meses, crio uma família e jogo por um tempo”, disse Espejo por e-mail. “Para mim, o The Sims 2 é o jogo de férias da minha infância, então jogar por algumas horas me traz de volta aos tempos mais fáceis.”

A atração da nostalgia facilita o retorno aos jogos mais antigos do The Sims. Também comecei a jogar The Sims com um parente mais velho, e quando ouço a música do Criar um Sim, composta por Mark Mothersbaugh, sinto uma pontada no coração, lembrando com carinho do tempo que passamos juntos. Outros jogadores insistem que nostalgia não é a única coisa que os mantém jogando The Sims 2. Eles acham que é o melhor jogo da franquia e se recusam a abandonpa-lo.

“Há muitas coisas que tornam toda geração do The Sims especial”, disse Merle Behnke, uma estudante de 25 anos de Münster, na Alemanha, por e-mail ao Kotaku. “Para mim, o The Sims 2 é apenas o melhor jogo da franquia” Para Behnke, o The Sims 2 era uma ferramenta potente para contar histórias com muita liberdade para o jogador explorar qualquer narrativa que eles queriam. “O jogo atingiu um bom equilíbrio entre oferecer detalhes, e ainda deixar espaço suficiente para você contar sua própria história”, disse ela.

Um tema recorrente nas respostas daqueles que contataram Kotaku sobre o The Sims 2 foi que ele parece mais detalhado e vibrante do que outros jogos da série. Em um jogo que engloba tudo, de zumbis a fundar uma família e se tornar famoso, é difícil descrever qual é exatamente a fonte dessa vibração. O que eu sempre penso é no recurso de o que é legal e não é legal.

No The Sims 2, os Sims não tinham traços de personalidade, como no 3 e 4. Em vez disso, suas personalidades eram definidas em parte por pontos de personalidade, interesses, desinteresses, e signos do zodíaco. Os signos do zodíaco daria aos seus Sims pontos de personalidade mais altos ou mais baixos em áreas específicas, dependendo do signo. Os Sims de Virgem são quase totalmente maximizados em termos de limpeza, enquanto os Sims de Escorpião são mais ativos. Às vezes, as compatibilidades e os confrontos no namoro eram alimentados pela astrologia, mas o que importava mais eram as excitações e descontrações. Seus Sims podem ter sinais compatíveis, mas se um deles for não gostar da cor cabelo do outro sim, isso poderá se tornar um obstáculo na sua busca por romance. Esses são personagens definidos por suas ações, em vez de personagens cujas ações são definidas por parâmetros arbitrários.

É uma pequena diferença, mas definir os Sims pelo que eles gostam e não gostam deu a eles uma personalidade mais reativa do que atribuir a eles características como Vegetarianos ou Ativs. Os Sims no The Sims 3 respondem ao seu ambiente e os outros Sims nele. Às vezes, parece que esses Sims estão me falando comigo.

“Sinto que a melhor parte do The Sims foi sempre criar sua própria história enquanto jogava, uma história que não estava enraizada no jogo em si, mas na sua mente”, disse Behnke. “Tipo, uma pessoa que não me conhece poderia olhar para o meu jogo do The Sims e nunca saber que uma família é realmente uma representação minha ou que estou tentando espelhar o enredo de alguma história famosa enquanto jogava com essa outra família. . ”

“Acho que, ao dedicar todo o seu esforço no desenvolvimento de jogos para tornar os personagens mais tridimensionais, você está investindo no recurso errado”, disse ela. “Não preciso de um menu elaborado, onde posso definir que meu filho é um leitor de livros. No The Sims 2, eu colocava toneladas de estantes no quarto dela e ele simplesmente lia muito – simples assim.”

Para alguns fãs, não se trata apenas do jogo em si. É sobre Maxis. Embora o estúdio tenha sido adquirido pela EA em 1997, o estúdio de longa data da Maxis em Walnut Creek, Califórnia, não foi fechado até 2004, ano em que o The Sims 2 foi lançado. Em 2005, Will Wright, fundador da Maxis, estava concentrando sua atenção em Spore e, uma vez que o jogo afundou, ele deixou a EA em 2009. Para as pessoas que cresceram jogando SimCity, este segundo jogo parece ser último que tem o senso de humor e toques pessoais de um estúdio reverenciado.

” Acho que o The sims 2 foi o último jogo que realmente representava a Maxis”, disse Scott Hussey, um designer gráfico de 42 anos, por e-mail. “Tinha aquele estranho senso de humor que se levava muito a sério e nem seriamente (lembre-se das inúmeras referências a lhamas).”

“Ser capaz de retornar aos mundos de Belavista, Vila Verona, Estranhópolis e todos os outros, com seus detalhes familiares e excentricidades incomuns é mais do que voltar no tempo, e isso me parece muito especial”, disse ele .

Depois de ler todas as respostas dos fãs de The Sims 2, eu me senti com um desejo insaciável de revisitar o jogo. Na minha primeira tentativa de carregar o The Sims 2 Ultimate, ele travou. Na segunda, terceira e quarta vez, também travou. Depois de ler longos tópicos e artigos do fórum em fã sites, finalmente consegui rodar o jogo e logo mudei minha sim chamada Adeline para Enseada Beladonna. É estranho revisitar este jogo, é um pouco como viajar no tempo. Adeline recebeu um computador gratuito assim que chegou em sua casa nova, e eu tinha que lembrar de comprar um telefone, uma televisão e aparelho de som para garantir que ela pudesse conversar com outras pessoas e se divertir. Perturbadoramente, também não consegui encontrar nada além de jeans largos no Criar um Sim. Quando os novos vizinhos de Adeline vieram lhe dar boas-vindas, eu sabia que, se não me contivesse, ficaria completamente viciado no jogo.

O The Sims 2 não está mais disponível para compra ou download através do Origin, e é claro que a capacidade do meu computador para executá-lo é limitada. Com o passar do tempo, será cada vez mais difícil instalar e executar o The Sims 2 em computadores modernos. Parece uma pena perder o acesso a um jogo que ainda é tão querido pelo coração de tantos jogadores, incluindo o meu.

Fonte
Kotaku
Tags

SimsTime

Depois de surfar uma onda de plumbobs e conversar com uma lhama no ShangSimla, este que vos fala está mais do que preparado para mantê-los informados sobre todas as novidades do mundo Simmer.

4 Comentários

  1. Eu já não consigo mais jogar The Sims 2 nainha máquina, é muito antigo e parece que a EA não contribui pro jogo continuar rodando.

  2. Um detalhe também para a tradução/localização primorosa do The Sims 2, que a EA teve a capacidade de estragar completamente no 3 e no 4.

  3. Na verdade, continuo a revisitar toda a nostalgia do Sims 2 no Sims 4. Recriei famílias do meu antigo jogo, nomeadamente os Pleasant, os Broke e os Dreamer. Só não consegui fazer com que a Bella Goth desaparecesse… por isso tive de casar a Dina Caliente com outro milionário de meia-idade. Um dos meus desejos é dedicar-me a reconstruir a genealogia (uma coisa da qual tenho saudades do Sims 2… ver as gerações antigas e adquirir as memórias positivas ou negativas dos eventos) da Vila Verona, nomeadamente a família do Romeu e da Julieta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar